fbpx

Sua empresa elabora o budget de manutenção e se mantém dentro dele?

Embora o processo orçamentário para as empresas possa se tornar complexo, é fundamental possuir um budget. Afinal, ele geralmente compara a receita ou o lucro de uma companhia com seus custos ou despesas em um determinado período, o que auxilia a manter os gastos dentro de um padrão e evita extrapolações. Inclusive, é recomendado que áreas tenham essa previsão separadamente, como um budgt de manutenção, especificamente. Obviamente, determinar e prever quanto gastar em várias despesas e projetar vendas é apenas parte do processo. Por isso, os executivos precisam enfrentar uma infinidade de outros fatores. Como por exemplo: a projeção de investimentos, o planejamento de suas necessidades de caixa, analisar os possíveis déficits de receita e etc. Independente do tipo de negócio, o fato é que a capacidade de avaliar o desempenho usando orçamentos é indispensável para a saúde financeira geral da empresa. Pensando nisso, está na hora de ficar atento ao seu budget de manutenção e colocá-lo em prática de forma eficaz e inovadora. Confira!

O que é um budget de manutenção?

Um orçamento de manutenção é uma estimativa de receitas e despesas durante um período futuro especificado. Geralmente é compilado e reavaliado periodicamente, estimando o quanto será gasto em materiais, mão de obra e outras despesas. Eles podem ser feitos com o intuito de analisar a quantia aplicada neste segmento. Dessa forma é possível traçar os passos seguintes, quanto se investirá na área? Quanto de economia é possível (caso seja necessário um corte de gastos).

Qual a importância de estipular um budget?

O orçamento permite que a companhia crie um plano de gastos para o dinheiro corporativo, uma vez que ele garante que a empresa sempre terá o suficiente para o que precisa. Dessa forma os investimentos indispensáveis para o andamento do trabalho não serão interrompidos. É a partir desse budget que você vai saber se o seu negócio está gastando mais do que deveria. Inclusive essa é uma forma de encontrar soluções para equilibrar os altos e baixos do seu caixa, a fim de que a administração seja mais fácil e eficaz.
Este é um caso, aliás, em que o budget de manutenção se aplica muito bem, já que ele ajuda a controlar o quanto se pode ou não gastar em serviços desta espécie, demonstrando se a companhia está se excedendo além do que foi planejado e saindo da margem. Por isso, depois de criar seu primeiro orçamento, começar a usá-lo e ter uma ideia de como ele pode manter suas finanças nos trilhos, é interessante mapear seu plano de gastos por cerca de seis meses a um ano adiante. Em especial porque, ao fazer este processo, você poderá prever facilmente em quais períodos suas finanças ficarão restritas e quais terá uma quantia extra. Assim, seguir um orçamento ou um plano de gastos poderá ser essencial para mantê-lo sem dívidas ou te ajudará a sair dela, caso este seja o seu caso.

O que pode levar a empresa a sair do budget estipulado?

Apesar de estruturar um budget de manutenção corretamente, algumas empresas acabam fugindo do que foi estipulado. Isso se dá por inúmeros problemas, inclusive aqueles que surgem de maneira inesperada, como:
  • Problemas com algum maquinário;
  • Obras repentinas nas instalações;
  • Precisar aumentar a equipe;
  • Gastos com equipamentos que não estavam programados.
Aliás, esses fatores são piores, pelo simples fato das companhias não estarem preparadas e não saberem o quanto vão precisar gastar com estas adversidades. Sendo assim, uma vez que o seu budget estiver estabelecido, garanta já uma reserva financeira para emergências de manutenção. Dessa forma será muito mais fácil lidar com a questão e passar por estes contratempos de cabeça erguida. Confira também:
Como saber se o seu plano de manutenção está funcionando?